Gabriel Cartolano chora ao vivo no SBT por morte de amigo com Covid-19

Gabriel Cartolano chorou ao vivo no Fofocalizando ao falar da morte de amigo (foto: Reprodução/SBT)
Gabriel Cartolano chorou ao vivo no Fofocalizando ao falar da morte de amigo (foto: Reprodução/SBT)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Gabriel Cartolano, comentarista do Fofocalizando, se emocionou e chorou ao vivo no encerramento da edição desta sexta-feira (12) do programa de fofocas do SBT. A direção do programa lhe concedeu espaço para desabafar sobre a morte de Gustavo Ferraresi Guimarães, um amigo que lutava contra a Covid-19. “Era um cara muito do bem, família, era meu amigo. Ele tinha como sonho algo que muitos meninos querem, o sonho de ganhar a vida aqui em São Paulo, uma vida melhor. Conseguiu e infelizmente contraiu o Covid-19 no final do ano, ficou três meses internado. Tenho certeza que ele fez de tudo e lutou com todas as forças possíveis, mas não dava mais”, contou.

“Falei ontem com a dona Conceição, a mãe dele. Eu não tenho nem palavras. Esse meu choro representa o choro de muitas famílias… se é triste a gente olhando pra TV e vendo essas imagens de festas e tudo mais, quando acontece próximo da gente dói na alma. Dói muito mesmo. O jeito que eles se despediram, que me doeu demais, foi a despedida pelo celular. E isso eu acho que nenhuma mãe merece, nenhuma família merece”, relatou o apresentador.

“Ele teve trombose pulmonar. O Covid-19 pegou, passou os 15 dias, e enfim… só que devastou. Ele teve morte dos órgãos e tinha a minha idade. Isso é o mais triste pra mim. Eu me vejo muito nessa situação, sabe? Me dá muito medo. Desculpa estar assim, eu odeio chorar, não gosto de fazer isso”, concluiu ele, entre lágrimas.

Na sequência do desabafo de Gabriel Cartolano, Chris Flores reassumiu o comando do Fofocalizando e fez um forte comentário a respeito das aglomerações ilegais durante a pandemia.

“A gente sabe que isso é uma dor que não tem limite. Imagine a dor da dona Conceição. Que sirva de alerta: não vai ter um dia na minha vida em que eu não vou acabar com essas pessoas egoístas e mesquinhas que estão provocando mortes. Porque são essas pessoas que ficam negando a existência do vírus, que ficam negando o uso de máscara, que ficam falando mal da vacina, que ficam falando que existe um remédio pro vírus que não existe ainda, que ficam fazendo festa clandestina, que ficam saindo de casa sem necessidade”, afirmou a jornalista, que já teve Covid-19.

“Não estou falando de trabalhador não, de quem precisa ganhar o pão. Tô falando de gente que vai pra farra, pra comemorar, pra encher a cara e rir dos outros. E rir dessas famílias. Porque muita gente está chorando. Olha quantos mortos… um rapaz jovem, de 30 anos, esportista. Pra você, que tá fazendo esse tipo de coisa, você está matando essas pessoas. Saiba disso”, concluiu Chris Flores.

Assista ao desabafo de Gabriel Cartolano e ao comentário de Chris Flores:

Leia mais

© 2021 – 3 2 ZOOM Produtora – Todos os direitos reservados a TV POP