Repórter da Record descobre inflamação no cérebro após covid-19

Clébio foi apresentador da Record News e hoje é repórter da Record em Brasília (foto: Reprodução/Record)
Clébio foi apresentador da Record News e hoje é repórter da Record em Brasília (foto: Reprodução/Record)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Clébio Cavagnolle, repórter da Record em Brasília, descobriu nesta segunda-feira (18) que está com encefalite, uma inflamação no cérebro, sequela da covid-19 que ele contraiu em junho de 2020. Foi o próprio jornalista que divulgou a informação em seu perfil pessoal no Instagram.

“Queridos: ontem, fiz a punção na medula espinhal, que graças a Deus descartou a existência de um coágulo e tumor cerebral. Também fiz uma série de exames de imagem e sangue. O diagnóstico saiu agora há pouco: encefalite. É uma inflamação do cérebro. Começando o tratamento agora com a mesma tranquilidade que lhes falei no vídeo: fé de que logo receberei alta”, escreveu ele na rede social.

Após ser incentivado por uma amiga, Clébio gravou um depoimento alertando as pessoas sobre a gravidade da doença causada pelo novo coronavírus. “Acho muito importante a gente pensar que para algumas pessoas ele [covid-19] não tem um desenvolvimento tão agressivo, mas para outras, isso pode ser bastante complicado. Fui contaminado em junho, atravessei a contaminação sem grandes problemas, sem sintomas graves e agora, praticamente sete meses depois, eu me deparo novamente aqui no hospital”, explicou.

Segundo o jornalista, isso tem causado alguns problemas como perda parcial e gradativa da audição e, mais recentemente, também da visão. “Por isso que não consigo nem ler e escrever”, disse o repórter. Clébio Cavagnolle encerrou o vídeo agradecendo o carinho que tem recebido dos fãs e amigos.

 

Leia mais

© 2021 – 3 2 ZOOM Produtora – Todos os direitos reservados a TV POP