Se Joga vira grande aposta da Globo e ganha espaço fixo aos sábados

Fernanda Gentil na derradeira edição do Se Joga, em 16 de março: programa ganhou segunda chance (foto: Reprodução/TV Globo)
Fernanda Gentil na derradeira edição do Se Joga, em 16 de março: programa ganhou segunda chance (foto: Reprodução/TV Globo)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Suspenso há quase um ano e tido como cancelado por grande parte da imprensa, o Se Joga finalmente terá o seu retorno triunfal. A partir de sábado (6), a atração de Fernanda Gentil volta ao ar e, antes mesmo da reestreia, já conseguiu a confiança dos executivos da Globo. A emissora decidiu encerrar o rodízio de programas que eram veiculados antes do Caldeirão do Huck e escalou a atração para ocupar a faixa até dezembro, dando fim ao ciclo de apostas com poucos episódios adotado pela rede desde o cancelamento do Estrelas, há quase três anos.

Em sua nova fase, o Se Joga será apresentado como uma revista eletrônica semanal, que levará ao público as notícias mais relevantes da semana e informações em primeira mão sobre a vida das celebridades. Do formato original, que entrou para a história da emissora pelas derrotas vexatórias contra o Balanço Geral, restaram apenas alguns games, que terão o objetivo de aproximar o público do programa. A identidade visual da atração foi modificada e a atração passará a ser feita na Casa de Cristal, que serviu de cenário para o Mais Você nos últimos anos.

No seu horário original, nas tardes de segunda a sexta-feira, a atração de Fernanda Gentil acumulou média de 9,1 pontos no Painel Nacional de Televisão enquanto esteve no ar, entre setembro de 2019 e março de 2020, e por pouco não perdeu a liderança para a Record, que alcançou 8,7 com a sua faixa de programação local. Agora, o programa herdará uma faixa que tem vantagem de 193% em relação a emissora de Edir Macedo, vice-líder do horário.

Inicialmente, o Se Joga já está garantido até 25 de dezembro. Fernanda Gentil será a única âncora do formato, que terá a participação intensa de um quarteto de repórteres composto por Érico Brás, Tati Machado, Cauê Fabiano e Juliane Massaoka. Se o programa não espantar o público da Globo e conseguir permanecer na liderança, voltará ao ar já em fevereiro de 2022, tendo apenas um pequeno recesso para as férias da equipe no mês de janeiro, em que a emissora planeja retomar a Sessão de Sábado.

Leia mais

© 2021 – 3 2 ZOOM Produtora – Todos os direitos reservados a TV POP